CODFISH WATERS

Discursos políticos no cinema

Posted in Uncategorized by António Luís Vicente on 28 Abril, 2008

Não gosto deste discurso, mas a sua raridade merece uma referência: não existem muitos exemplos de discursos tão marcadamente ideológicos como este e tão marcadamente de direita (de um tipo de direita, pelo menos). O discurso vem do livro Fountainhead, de Ayn Rand. Como se sabe, Rand foi uma autora de culto para muita gente nos anos da guerra fria (e mentora de, entre outros, Alan Greenspan). Embora concorde com algumas das ideias da obra dela (as que não são dela…), o estilo dá-me arrepios – o “self-righteousness”, a fúria, o espírito vingativo, etc. Talvez com algum exagero, Whittaker Chambers, comentando um outro livro famoso de Rand, referiu: “From almost any page of Atlas Shrugged, a voice can be heard, from painful necessity, commanding: ‘To the gas chambers–go!’…”. 

O filme é de King Vidor e o papel principal – Howard Roark – está a cargo de Gary Cooper. Foi a própria Ayn Rand que adaptou o argumento.

(Via American Rhetoric)